Categorias

20 Maio

Reposição de colágeno mantém elasticidade da pele e aparência jovem

O envelhecimento da pele é um processo degenerativo progressivo, resultante de um declínio fisiológico das funções do tecido cutâneo. A queda da qualidade do colágeno tem um papel primordial neste processo e resulta em sinais como a flacidez da pele, formação de rugas e diminuição da renovação celular. De acordo com o nutricionista José Aurélio Tofani, o colágeno é uma proteína obtida através dos ossos e da cartilagem de bovinos. “Para ser mais bem absorvido pelo organismo, ele passa por uma quebra na molécula de proteína, a hidrólise, e por esse motivo é denominado colágeno hidrolisado”, afirma.

O colágeno é uma das maiores moléculas protéicas presentes no organismo humano e faz parte da constituição de quase todos os tecidos, incluindo a pele. “Ele é responsável pela elasticidade da pele e dos músculos, fortalecimento de unhas e cabelos, contribui para a saúde dos ossos, combate celulite e estrias, auxilia no funcionamento do sistema linfático e ajuda na cicatrização”, explicou Tofani. 

Aproximadamente um terço da proteína de nosso corpo é constituída por ele, que é renovado continuamente, mas, com o passar do tempo, essa renovação sofre uma diminuição, com evidente prejuízo anatômico e funcional dos tecidos. Segundo o especialista, o consumo de colágeno é indicado para pessoas acima de 30 anos, como suplemento nutricional para pessoas fisicamente ativas que desejam aumentar o consumo de proteínas, assim como para o fortalecimento de unhas e cabelos, processos de cicatrização e recuperação de lesões.

De acordo com José Aurélio, a procura pelo produto no mercado é grande, já que ele proporciona elasticidade para a pele mantendo-a jovem, além de melhorar o nível de umidade da pele (melhor hidratação), reduzir o número de sinais de estrias e evitar formação de rugas profundas.

Informações:
Farmácia Vida Natural
Rua Cláudio Manoel, 31 – Funcionários – BH/MG
Contato: (31) 3225-7282

Posts Relacionados

20 Maio
Nutróloga recomenda alimentos que saciam para emagrecer

A nutróloga Jane Corona indica alimentos que saciam rapidamente que os consome, diminuindo assim o apetite e facilitando o processo de emagrecimento.

continuar lendo
20 Maio
Especialista explica como obter o diagnóstico para a doença celíaca e qual a alimentação adequada

A doença Celíaca é caracterizada pela intolerância permanente ao glúten e tem como causa principal a reação à gliadina, proteína presente no glúten, que por sua vez, está presente no trigo, aveia, cevada e centeio, bem como os seus subprodutos e derivados.

continuar lendo