l

Ut wisi enim ad minim veniam, quis laore nostrud exerci tation ulm hedi corper turet suscipit lobortis nisl ut

Recent Posts

    Sorry, no posts matched your criteria.

Segunda à Sexta: 08h:00 - 19h:30 Sábados: 09h - 13:00h
(31) 98711-5856
Já somos 6 lojas pra melhor te atender
a

Farmácia Vida Natural

Astaxantina diminui os danos causados pela radiação UV

Promove aumento da DEM e reduz a perda de água transepidermal.

 

A pele é composta pela epiderme , derme e tecido subcutâneo. Essas estruturas impedem a invasão de vários micro-organismo na corrente sanguínea e protegem o corpo de danos fisiológicos. Além disso, a pele também evita a transpiração excessiva.

Essas funções de proteção são chamadas de “funções de barreira”. Alterações nas funções de barreira podem resultar no aumento da perda de água transpidérmica(TEWL). Além disso , a pele sofre danos oxidativos por vários motivos, incluindo esposição diária dos raios ultravioleta(UV), o que leva á geração de espécies reativas de oxigênio(ROS), tal como o oxigênio singleto ou radicais peróxitos. Esses radicais danificam as moléculas biológicas, incluindo proteínas ou DNA, o que altera a homeostase cutânea.

Devido ao dano constante á função de barreira e á capacidade antioxidante endógena, que diminiui gradualmete com a idade, faz-se a necessidade de suplementos que evitem ou previnam os danos a barreira cutânea e também aumentem a capacidade antioxidante endógena.

 

Astaxantina

A astaxantina é um carotenoide vermelho (pertencente a classe das xantofilias) encontrado no camarão caranguejo, salmão e nicroalgas. A astaxantina exerce uma forte atividade anti-oxidativa pela eliminação de radicais livres. Em particular, o efeito sequestrador da astaxantina para o oxigênio singleto é aproximadamente mil vezes maior que o da coezima Q10.

 

Mecanismo de Ação da Astaxantina

 

A astaxantina atua protegente as células contra danos oxidativos, os quais são gerados por radicais livres ou por espécies reativas de oxigênio e produzidos durante as reações metabólicas normais do organismo, que atacam lipidíos, proteínas, carboidratos e até mesmo o DNA.

Seu consumo demonstrou atenuar os efeitos do estresse oxidativo e do nitrogênio, proporcionando efeitos antiaging e proteção da saúde. Desse modo , devido ás diversas propriedades , a Astaxantina protege eficientemente a bicamada lipídica das membranas celulares contra os danos causados pela peroxidação. Além disso , a astaxantina exerce ação imunoestimulante e anti-inflamatória

Novos estudos têm demonstrado que a astaxantina ajuda na prevenção dos danos causados pela exposição constante á radiação UV dentre eles a hiperpigmentação pós-inflamatória.

 

Estudo Comprova

Astaxantina protege contra danos causados pela radiação UV

 

Estudo conduzido por Ito et al(2018) teve como objetivo avaliar e a suplementação de astaxantina protege o tecido cutâneo contra os efeitos induzidos da radiação UV.

Para isso 24 indivíduos participaram deste estudo clínico, duplo-cego e placebo-controlado. Eles foram divididos em dois grupos para receberem a seguinte posologia, durante 10 semanas:

 

Grupo 1(n=12)

Astaxantina 4mg

Dose diária

 

Grupo 2(n=12)

Placebo

Dose diária

 

Para avaliar o papel da astanxantina na proteção da pele contra os efeitos da radiação UV, foi determinada a Dose Eritematosa Mímima(DEM).Foram avaliadas também as alterações na hidratação cutânea e na perda de água transepidérmica(TEWL) no início e após as 9 semanas de suplementação.

 

Resultados

 

A astaxantina mostrou um aumento da DEM, comparada com placebo;

O grupo astaxantina promoveu diminuição significativa da perda de água transepidermal na área irradiada , quando comparado com placebo;

Nas áreas não irradiadas, a suplementação com astaxantina reduziu a aspereza e melhorou o brilho;

 

Conclusão

 

A astaxantina protege a pele contra os danos causados pela radiação UV e auxilia na manutenção da saúde cutânea.

 

Post a Comment

Vida Natural
Acesso a área restrita

close-link